Gardner e a Inteligência Espacial-Visual – Conceito


Resumo de Gardner, H.: Inteligência Espacial in Gardner, H.:Estruturas da Mente: A Teoria das Inteligências Múltiplas, Porto Alegre, Ed Artes Médicas Sul, 1994

O que é?

Esta inteligência está ligada fundamentalmente ao mundo concreto, ao mundo dos objetos e a sua localização no mundo. Como afirma Gardner:

“Centrais à inteligência espacial estão as capacidades de perceber o mundo visual com precisão, efetuar transformações e modificações sobre as percepções iniciais e ser capaz de recriar aspectos da experiência visual, mesmo na ausência de eestímulos físicos relevantes.”

Isto é, com sua inteligência Espacial-Visual e fazendo uso de sua visão e imaginação você se localiza no mundo e manipula diferentes objetos, tanto fisica, como virtualmente. No seu dia a dia, toda a hora você precisa dela. É só se imaginar cego, andando na rua.

Outra tarefa que demanda a inteligência Espacial-Visual: Pendurar um quadro na parede. Primeiro você tem que decidir onde vai colocar o gancho. Lembre-se que o gancho tem que ficar no meio da largura do quadro, mas que não é o gancho que se vê, e sim o quadro inteiro. Por isto, baseado na posição do gancho em relação à parede, você tem que imaginar como vai ficar o quadro também em relação à parede. Depois disto, com o quadro pendurado, você tem que alinhá-lo visualmente em relação à outros objetos próximos, ao chão, ao teto e à outras paredes eventualmente próximas.

Para algumas pessoas isto é muito fácil. Para outras nem tanto. E arrumar os móveis em um quarto? O sofá fica melhor nesta parede ou naquela? Aquele buffet que na oja parece pequeno, não vai ficar muito grande na sua sala?

Algumas habilidades da inteligência Espacial-Visual:

Criar imagens mentais:

Consiste em ser capaz de criar na sua mente imagens de situações ou objetos do mundo real. Por exemplo; pense em um cachorro. VocÊ é capaz de imaginá-lo? Qual é sua aparência? A cor do pelo? A raça? Está em movimento ou parado? O rabo está balançando? E sua expressão facial?

É com sua memória visual que você, baseado em sua aparência, identifica uma pessoa amiga. Mas é muito diferente reconhecê-la em um encontro casual de, em sua ausência, tentar lembrar-se dela evocando a imagem do seu rosto.

A habilidade em criar imagens mentais pode ser de grande auxílio no aprendizado. Para ser compreendida do ponto de vista matemático, a teoria da relatividade pode ser muito complexa e demandar conhecimentos razoavelmte elevados. Para quem tem habilidades visuais, ela pode ser explicada, pelo menos nos níveis mais básicos de forma mais simples e imediata. Considere o exemplo abaixo, retirado de Eliot & Slakind(1), nele primeiro eles descrevem uma situação e depois mostram a conclusão baseada na imagem descrita:

A situação:

Imagine uma grande massa A viajando em linha reta através do espaço. A direção da viagem é Sul-Norte. A massa está envolta por uma enorme esfera de vidro gravada com círculos paralelos entre si e perpendiculares à linha de viagem, como um gigante ornamento de árvore de Natal. Há uma segunda massa, B, em contato com a esfera de vidro em um dos círculos gravados. O contato de B com a esfera ocorre em algum ponto abaixo do círculo maior, que é o círculo do meio. Tanto a massa A quanto a B viajam na mesma direção. Quando A e B continuam seu movimento, B é continuamente deslocado ao longo do círculo gravado, que é o ponto de contato com a esfera.

A conclusão que explica a teoria da relatividade:

Já que B é continuamente deslocado, ele está em realidade traçando um caminho espiral através do tempo-espaço, o tempo sendo o
movimento em direção ao Norte
[quando observado por um observador externo-grifo meu]. Ainda assim, quando é visto por alguém na massa A, de dentro da esfera de vidro, parece ser um círculo, não um espiral.

Comparação entre objetos

Identificação de semelhanças e diferenças, as vêzes sutis em diferentes formas. Um teste desta habilidade poderia ser o abaixo:

Inteligencia_visual_fig 1

Capacidade de mover objetos no espaço

Como fica uma árvore se você colocá-la de cabeça para baixo? Isto é fácil, mas tente acertar o desafio abaixo (alguns conseguirão com rapidez):

Inteligencia_visual_fig 2

Resolver problemas usando a visualização

Finalizando, considere alguns problemas que exigem explicitamente o poder de criar uma imagem mental (retirado de Gardner, Estruturas da Mente).

  • Primeiramente, imagine um cavalo. Que ponto é mais elevado, o zênite da cauda do cavalo ou a parte mais inferior da cabeça do cavalo?
  • Imagine um elefante e um rato. Agora imagine os cílios de cada criatura. Qual leva mais tempo para focalizar com maior nitidez?
  • Imagine a pia de sua cozinha. Que torneira controla a água quente?
  • Imagine um campus ou praça com o qual você esteja familiarizado. Marque seu tempo enquanto você examina cuidadosamente, em série, cada edifício e agora compare o tempo que passou quando você examinou de um lado do campus (ou praça) até o outro.

Na semana que vem continuamos com o temna. Até lá!

Você tem alguma dúvida ou pergunta?

Deixe sua questão no campo de comentários !

About these ads

25 thoughts on “Gardner e a Inteligência Espacial-Visual – Conceito

  1. Pingback: Gardner e a Inteligência Visual-Espacial na prática « Blog da Officina da Mente

  2. Pingback: Gardner e a Inteligência Lingüística – A poesia « Blog da Officina da Mente

  3. Pingback: Quais os dois elementos essenciais da inteligência intrapessoal? (ou da interpessoal?) « Blog da Officina da Mente

  4. Prezado professor Maurício,
    Primeiramente parabenizo pelos materiais publicados.
    solicito maiores informações sobre “inteligência visual e o ensino de matemática”, mais precisamente com o uso da informática.
    Desde já agradeço,
    Dircélia dos Santos – Porto Alegre-RS

  5. Olá Dircélia;
    Obrigado pelos elogios. Isto me faz saber que estou no caminho certo. Sua solicitação é muito interessante. Tão interessante que resolvi satisfazê-la na forma de um post. Agora em janeiro estou de férias, mas publicarei um post completo sobre o tema em 2/2/2010. Um pouco de paciência, pois eu acho que você vai gostar.
    Abs,
    Prof. Mauricio Peixoto

  6. Pingback: Inteligência Visual e Matemática (com uma lista de programas matemáticos) « Blog da Officina da Mente

  7. Pingback: Blog da Officina » Inteligência Visual e Matemática (com uma lista de programas matemáticos)

  8. Prezado Professor Mauricio

    Fiz um teste psicológico e nele apresentou um indíce ótimo de inteligencia espacial. Fiquei em dúvida, pois sempre acreditei que eu não tinha este tipo de inteligencia desenvolvida.
    Lendo seu artigo descobri que tenho habilidades da inteligência espacial, pois eu desenho, pinto, sou boa na percepção de espaços internos, localizado os objetos rapidamente, a minha memória é visual, gosto de física e filosofia.
    Agradeço ao artigo pois ajudou-me a compreender melhor.

    Celia Maria

  9. Fico feliz em poder ter sido de ajuda. Continue acompanhando o blog. Sempre estarei publicando alguma novidade.
    Um grande abraço,
    Prof. Mauricio Peixoto

  10. Neste blog trabalhamso “Qualquer assunto sobre psicologia” desde que se relacione com aprendizagem e desenvolvimento pessoal.Abs,
    prof. Mauricio Peixoto

  11. Prezado professor Maurício,
    Gostei muito de suas publicações e lhe parabenizo, da mesma forma como o senhor é fascinado pelas inteligências tambem sou, gostaria de obter mais informações sobre a “inteligencia espacial”, pois estou elaborando meu projeto de tcc com o tema Inteligência Espacial: sua importância no processo de ensino e aprendizagem da criança

  12. Um primeiro alerta é que o tipo de inteligência NÃO define a profissão e vice-versa. Além disto, e aqui repito o que já disse em vários dos meus posts, TODOS têm TODOS os tipos de inteligência. O que varia é a distribuição relativa destas em um dado indivíduo. Dito isto, o que podemos afirmar é que determinadas profissões se beneficiam mais de detrminadas compatências que outras. Assim é que conselheiros, psicoterapeutas e padres, por exemplo tem seu desempenho profissional melhorado quando apoiados em uma inteligência intrapessoal bem desenvolvida e trabalhada. Isto não quer dizer que tais profissões estejam estritamente viculadas à este tipo de inteligência. Na realidade é possível encontrar estes profissionais com diferentes combinações das variadas inteligências. Dizemos que o tipo de inteligência modula (mas não determina) a profissão. Isto que dizer que muito embora o tipo de inteligência não seja determinante para a escolha de uma profissão, ela irá influenciar o tipo de profissional, a maneira de conduzir-se e a área de atuação que a pessoa desenvolverá ao longo da vida. Fui claro?

  13. Recomendo que você comece buscando os livros do Gardner que já estão publicados em portugues. Por exemplo:

      Cinco Mentes para o Futuro
      Inteligências Múltiplas: a Teoria na Prática
      Inteligência: um Conceito Reformulado
      Inteligência: Múltiplas Perspectivas
      Inteligências múltiplas ao redor do mundo
      Estruturas da Mente – A Teoria das Inteligências Múltiplas (este é fundamental)
      Mentes que mudam
  14. Sim. Com certeza, E aqui eu repito o que sempre digo. “Ter” uma inteligência não é “não ter” as outras. Dizer que um indivíduo é cinestésico é afirmar que este tipo de inteligência é mais marcante em sua vida que os os outros tipos. Não é negar a existência das outras. Mais que isto, ao executarmos as nossas tarefas diárias precisamos de todas elas agindo integradamente, como você identificou corretamente no exemplo apresentado.

  15. Prof: muito bom o seu trabalho de pesquisa neste sentido de nos mostrar o que é inteligência espacial, senti falta da bibliografia já que cita várias frases do autor,mas eu não sei em que livro vc leu? um forte abraço, Eliane Sousa.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s